em resumo, o que aconteceu foi isso:

– Ricardo Boechat foi Ricardo Boechat, aquela pessoa maravilhosa que ele é. Se perdeu no comando, não sabia pra onde ir, imperdível. Amo de paixão.

– Serra tava nervoso. mas tinha experiência em debates. Faturou algumas. Perdeu outras. Desdenhou dos antagonistas ao fazer pouco caso das perguntas (Hein? qual foi a outra parte da pergunta?). Enfim, um saco.

– Dilma estava perdendo a virgindade de debates. Tava nervosa. Não tinha experiência. Levou algumas bordoadas do Serra e do Plínio. Deu outras. Poucas, mas deu. Seu cabelo tá muito Fátima Bernardes década de 1990, o que lhe confere um ar de mãe da apresentadora da Globo. Gaguejou, bateu no microfone, não tinha timing pra responder às perguntas. Mas sabia do que falava. Enfim, um saco.

– Marina fez muito mal à Natura de seu vice-presidente. Como muito bem lembrou a Andréa Espíndola pelo Twitter, a revista da Natura não deve ter chegado a tempo. Ou então a consultora dela é daquelas que nunca consegue comprar nenhum item que a gente pede, porque já esgotou. Quer dizer, o blush tava legal, mas aquela falta de batom incomodou tanto que eu nem sei o que ela disse direito no debate. [futilidade, a gente se vê por aqui.] Pelo que deu pra perceber, ela concorda muito com o governo Lula, só que discorda. E o que foi aquela declamação de poema pro Dado, gente? Avisem a ela que o Dado foi condenado por bater na Luana!!! Enfim, um saco.

– Plínio de Arruda Sampaio é meu novo ídolo. Quer dizer, eu já achava ele coerente e talz, mas hoje ele roubou a chave do sucesso do debate, sentou em cima e não deu pra ninguém. Pedi a Deus que ele chamasse Serra de hipocondríaco (confiram no replay do liveblogging!), e Deus me concedeu essa dádiva. Quem disser que Plínio não é de Deus não sabe do que tá falando… Deixem ele ser comunista, oras… estava tranqüilo (posto que não tinha nada a perder), foi pro debate na base do sijoga, santa!, coisa que faltou a seus antagonistas, e chegou ao topo dos assuntos mais discutidos do twitter mundial. Já amamos José Serra, mas a partir de hoje os posts desta bruxa que vos fala defenderão fervorosamente Plínio de Arruda Sampaio, candidato do P…. é pê de quê, mesmo, hein? ;o) qual o partido dele?

O que eu queria pedir infelizmente não pode mais acontecer: um debate entre Plínio, Brizola, Jânio e Maluf. Imperdível.

enfim, aqui o ♥ pertence a Plínio! #TEAMPLINIO

Anúncios